Desabafo de um homem que dedica sua vida aos acometidos pelo câncer



Muitas pessoas que nunca deram um centavo para o IJOMA, nunca derramaram uma lágrima por um doente, e nunca pegaram uma vassoura para limpar o chão de um barroco onde vive um doente falam mal do nosso trabalho, dizendo que o IJOMA não FAZ NADA. Quem conhece o IJOMA PENSA DIFERENTE. (Padre Paulo).

Meu comentário: Sou voluntária do IJOMA, admiradora do Padre Paulo, pela sua dedicação, coragem, e acima de tudo, por ter enfrentado uma luta sozinho, em prol dos menos favorecidos. Se todos tivessem a determinação deste homem, nosso Estado não estaria enfrentando o caos por que passa hoje na saúde e em todos os  outros setores. Calem a boca e deixe este homem do bem trabalhar! 

Lílian Guimarães.

0 Comentários em "Desabafo de um homem que dedica sua vida aos acometidos pelo câncer"

Postar um comentário

Comente