Chegou a tão esperada hora de abrirmos as portas da maior obra social que o Estado já viu!

“Tudo o que um sonho precisa para ser realizado é alguém que acredite que ele possa ser realizado”. E nos acreditamos! Foram horas, dias, semanas, meses semeando esse sonho. A cada tijolo colocado a certeza de que a concretização do nosso objetivo estava próximo. Chegou, chegou a tão esperada hora de abrirmos as portas da maior obra social que o Estado já viu!   

Nesta quinta-feira, 02 de agosto, as 8:30hs, o Amapá começa a construir uma nova história. Uma história de vitória, de amor a vida e dedicação ao próximo. Uma história que mudará a vida de centenas de pessoas para melhor.   

E é assim, dessa forma, pois para realizarmos grandes conquistas devemos não apenas agir, mas também sonhar; não apenas planejar, mas também acreditar. Dificuldades tivemos, obstáculos vencemos, não foi fácil, a batalha foi árdua, mas a sensação de vermos tudo pronto é como balsamo em nossas almas.  

Já dizia o poeta: “Transportai um punhado de terra todos os dias e fareis uma montanha”.  Construímos mais que uma montanha, construímos a ponte que muitos precisam na esperança de viver.   

O Instituto do Câncer Joel Magalhães (IJOMA) irá proporcionar aos doentes de câncer, atendimento médico, odontológico, psicológico. Além de assistência social, enfermagem entre outros serviços.  

A estrutura do novo prédio possui apartamentos completos com capacidade para doze leitos, todos com banheiro, além de almoxarifado, farmácia, setor administrativo, copa, lavanderia e área de lazer com um pequeno jardim.   

Programação:   

A solenidade de inauguração inicia às 8h30, o evento terá a participação de autoridades locais, voluntários e imprensa.   

Às 12 horas, haverá um almoço para imprensa e voluntários. E às 19 horas, uma belíssima celebração da Missa de Louvor, seguida por shows musicais. 

Vítimas de câncer no Estado:

No Estado são mais de 700 pessoas acometidas pelo câncer, sendo que deste total, 215 são cadastrados no IJOMA. 

Por Lílian Guimarães
Jornalista
Voluntária do IJOMA
8124-9681 ou 9904-9491

0 Comentários em "Chegou a tão esperada hora de abrirmos as portas da maior obra social que o Estado já viu!"

Postar um comentário

Comente