O que nos falta



Não há nenhum de nós que nunca tenha acreditado, pelo menos uma vez, que a vida não é justa com todos. 

O que nos falta é compreender que não há lições iguais para todos e, menos ainda, experiências iguais, porque cada um tem que aprender o que precisa para que se cumpra o seu destino, e há um único destino “por cabeça”. 

É sempre necessário confiarmos na vida. Ela não é injusta com ninguém. Vida é sinônimo de Deus. 

Podemos, talvez, perder algo valioso ou um ente amado ou um amigo muito querido, entre tantas outras coisas. 

De fato, não é fácil aceitarmos isso com naturalidade, mas é imprescindível que aprendamos a entender e aceitar as perdas em nossas vidas. 

Há sempre razões para atravessarmos as dificuldades que atravessamos, mas são razões que ainda não nos é permitido conhecer. Certamente, nós não as compreenderíamos e a dor poderia ser maior. 

Deus sabe qual é nossa “carga máxima” e não nos dá aquela que não somos capazes de carregar. 

Se você está numa situação dolorosa e tem certeza de ter chegado ao limite de suas forças e de já ter feito tudo que podia fazer, creia: dessa vez você está livre e mais uma prova está cumprida. É chegado o fim de mais uma etapa na Escola da Vida. 

http://arcadoconhecimento.blogspot.com/

0 Comentários em "O que nos falta"

Postar um comentário

Comente