• Imagen 1 FUTLAMA
    Jogo de futebol que ocorre as margens do rio amazonas quando a maré está "baixa"

Quem dá mais na ferrari do Miranda?


Já em exposição carros de autoridades amapaenses presas pela policia federal em 2010. Tudo vai a Leilao. Entre eles uma Ferrari e um Aviao.
As maquinas estão em exposição no pátio da policia federal em Brasília. Serão leiloadas em junho.
Lance mínimo de Ferrari a ser leiloada em Brasília do ex-pres do Tribunal de Contas do Amapá: 600 mil. Leilao será dias 20 e 27 de junho.


Não há mais tempo!



Não dá para concordar com o que está se tornando rotina durante as madrugadas em Macapá.

Não é possível que o sossego público seja trocado pela falsa alegria de alguns embebedados e outros que, valendo-se da falta de fiscalização, possibilitam, durante a madrugada, verdadeiras festas públicas sem regras, no centro da cidade, em ambientes conhecidos como “24 horas”.

É preciso que o poder público tome uma posição, primeiro avaliando a situação e, certamente, entendendo que há um erro primário na permissão ou permissividade, o que está tornando insuportável morar em alguns pontos de Macapá.

O poder de polícia precisa ser exercitado. As irregularidades precisam ser corrigidas. Não é razoável permanecer essa situação e muito menos exigir da população que aceite passivamente, sob a alegação de que faltam agentes credenciados para exercer o poder de polícia previsto nas regras da República.

Não é de agora o problema, mas também não é por isso que o poder público teria o direito de ignorá-lo.

Ele está posto, desafiando a competência e as atribuições das autoridades públicas, além de ser um grave agente que está piorando a qualidade de vida e azucrinando a paciência de pessoas que simplesmente acreditam no que manda a lei.

Basta uma inspeção coordenada para se ver de tudo: desde a quebra do sossego noturno, até a utilização das vias públicas para satisfazer necessidades para as quais jamais fora planejada.

Agir é o verbo.

Não dá mais para conviver nesse ambiente de confronto entre os que insistem em exercer o proibido e aqueles que não concordam com os riscos que todos passam a enfrentar, com consequências nos registros de mortes violentas no trânsito e nos confrontos entre pessoas.

A situação é cada vez mais grave e cada vez mais preocupante.

E, portanto, não há mais tempo para esperar!

Por Josiel Alcolumbre

A saga do bigode que não larga o osso!



Cessaram as negociações do PT do Amapá para formar o palanque local. O motivo foi a eleição ao Senado, e quem deu a ordem foi José Dirceu – é, ele mesmo. O superpetista avisou que nenhuma negociação será fechada no Estado, enquanto o senador José Sarney (PMDB-AP) não resolver se disputará mais um mandato. Sarney terá 84 anos no próximo ano e só terminaria o mandato aos 92. A todos, garante que prefere ir para casa. Caso tome o outro rumo, o PT o apoiará, e a petista Dalva Figueiredo pode adiar o sonho de ser promovida de deputada a senadora.

http://colunas.revistaepoca.globo.com/felipepatury/2013/05/04/o-pt-no-fio-do-bigode-do-sarney-pt-do-ap-tem-de-esperar-pelo-senador/

Hoje é o Dia do Silêncio!



Fico impressionada com a quantidade de Leis que criam os chamados "Dias". Hoje em dia tem "Dia" pra tudo. É tanto "Dia" que daqui a pouco vão criar as "Noites". 

Às vezes acontece de vários eventos terem o seu mesmo "Dia". Hoje mesmo é um exemplo disto, Dia do Oftalmologista e também o Dia do Silêncio. Juntando os dois dias comemora-se o "Dia Em que Se Olha Calado"?

Agora imaginem o Dia do silêncio se fosse levado ao pé da letra: sem barulho de carros, buzinas, motos, gritos, choro de crianças, latidos de cães do vizinho, campainhas , sirenes,  gente falando em restaurante, avião... nada de barulho. Tudo em silêncio absoluto. Uma utopia, mas que seria maravilhoso seria.

Pra não fazer muito barulho termino o post de hoje relembrando Shakespeare, em "Hamlet": "O resto, é silêncio..."

Saindo do forno - CPI do Tráfico de Pessoas

Na CPI do Tráfico de Pessoas, que vai ouvir a família que está com a guarda provisória da criança de Macapá cujo processo de adoção acontecido em Mazagão está sob suspeição e acompanhado pela CPI.

Prefeitura de Macapá não é de acordo com o reajuste da tarifa de transporte coletivo



O Prefeito de Macapá, Clécio Luís, comunica que a Prefeitura de Macapá não é de acordo com o reajuste da tarifa de transporte coletivo, solicitado pelo Setap, com aumento de R$2,30 para R$2,69.

Decisão sábia do Prefeito Clécio Luís! Com muita prudência ele afirma que deve ser apresentada uma proposta de um novo sistema de transporte público para capital, que atenda as necessidades da população e corrija os problemas que obrigam os usuários a pagar por um serviço de qualidade inferior. No novo sistema deve estar incluido benefícios como terminais de integração de linhas, novas rotas, 100% de acessibilidade, entre outros serviços.
 

Quem esses comerciais representam?



Vejo que a imagem “Mãe” perdeu o sentido nos comerciais de Macapá. Tenho em mente da figura “Mãe”, uma mulher de beleza única, vestida com roupas descentes e que passa ternura e afeto. 

Infelizmente nossos “publicitários” se perderam, colocaram “garotas” seminuas, sendo que nenhuma sequer sabe o verdadeiro sentido da palavra mãe, muito menos da palavra decência. “Garotas” de vestidos colados, com kilos de maquiagem na cara, com fundo musical pejorativo e de uma atuação bizarra estão longe de simbolizar o verdadeiro sentido de ser mãe! 

É lamentável, porque as mães merecem uma homenagem, mas que seja digna e respeitosa!

Mais de seis mil ficam na malha fina no Amapá



Das 71.190 declarações de Imposto de Renda de Pessoa Física, recebidas pela Receita Federal no Amapá, 6.108 caíram na chamada malha fina. O número representa 8,6% do total de declarações entregues no Estado, em 2013.

O contribuinte cai na malha fina caso ele apresente alguma informação equivocada. Caso isso ocorra, os dados devem ser corrigidos antes do início de procedimento de ofício.

Já nos casos em que a declaração foi retida na malha fina, mas o contribuinte está com tudo em dia e o documento foi preenchido corretamente, é necessário agendar atendimento, na página da Receita Federal na internet ou ligar para 146, para a entrega da documentação comprobatória das informações declaradas, ou, então, aguardar o Termo de Intimação ou a Notificação de Lançamento da Receita Federal.

"Hoje, é possível consultar, na página da Receita Federal na internet, se a declaração caiu na malha fina ou não. Para isso, basta acessar o Centro Virtual de Atendimento da Receita (e-CAC) e informar seu CPF, código de acesso e senha", destacou o auditor fiscal Gustavo Macedo.

O código de acesso é gerado no próprio site. É preciso ter em mãos o número do CPF e os recibos de entrega da declaração dos dois últimos anos. Com essas informações, é possível acessar o sistema e consultar o extrato detalhado, no qual constam as pendências existentes no documento entregue e suas possíveis causas.

As mais de 71 declarações recebidas pela Receita, é 3,17% superior ao estimado, que aguardava, 69 mil declarações no estado. Já se comparado aos 67.577 documentos recebidos no mesmo período de 2012, o crescimento é superior a 5%.

http://www.portalcotidiano.com/

Portadores de transtornos mentais vagam pelas ruas de Macapá



Algo está se tornando comum em Macapá. Pessoas com transtornos mentais abandonadas pela família, “vagando” pelas calçadas e vias públicas da cidade. Nus, com fortes temperamentos, falas sem sentido, e aparência suja, são algumas características da maioria dessas pessoas.

Atualmente o Amapá possui apenas uma psiquiatria, a do Hospital Alberto Lima (HCAL), com oito leitos, ambulatório psicossocial e, consultório de rua.

“Às vezes a população acredita que temos que pegar a pessoas na rua e colocar dentro da psiquiatria. Mas isso não pode acontecer, e com a reforma psiquiátrica, esta pessoa com transtorno deve ter a reinserção social com acolhimento dentro da família. Isto é, trabalhamos com o momento de crise, com isso damos alta para receber um tratamento contínuo no nosso ambulatório”, explicou coordenadora estadual de Saúde Mental, Michele Maleamá.

Hoje em dia, o Centro de Atenção Psicossocial (Caps) que o Estado possui é para atender pessoas com transtornos por Álcool e Drogas. De todos os municípios, apenas Macapá tem um centro atendendo pessoas com transtorno mentais, entretanto, é quase ineficiente, pois foi construído em 2001, sem nenhuma reforma e abrange apenas crianças.

Na psiquiatria do HCAL, por exemplo, há carência de profissionais. Com uma demanda de 10 mil inscritos e 70 novos pacientes a cada mês, a clínica psiquiátrica possui apenas quatro psiquiátricos.

Quando não andam nus pelas ruas de Macapá, as pessoas portadoras de transtornos mentais usam roupas brancas. De acordo com o diretor da psiquiatria, Adriano Veríssimo, diferente do que muitos pensam, eles não são fugitivos da psiquiatria. “Quanto a vestimenta, elas são adquiridas em outros hospitais, como o de emergência, por exemplo”.

Para Adriano Veríssimo, é comum as famílias abandonarem os entes com transtornos mentais, na psiquiatria do Estado. “Assim é difícil porque o acompanhamento da família faz parte do processo de recuperação”, disse.

A dificuldade em tratá-las também está relacionada ao uso de drogas, como o crack. Quando elas moram nas ruas, ficam sujeitas ao consumo de entorpecentes. Segundo Michele Maleamá, o atendimento a elas é complicado porque os usuários com transtornos são muito arredios.

http://www.portalcotidiano.com/

PF faz busca e apreensão no Ibama no Amapá



A Polícia Federal desencadeou, na manhã desta sexta-feira, 03, a operação IMPACTO, dando cumprimento a dois mandados de busca e apreensão, expedidos pela Justiça Federal: um deles, na sede da Superintendência Regional do IBAMA no Amapá; o outro, na residência de um Fiscal do IBAMA.

As investigações tiveram início no ano passado, depois da denúncia de que um servidor do IBAMA estaria “fabricando” e “vendendo” DOFs (Documentos de Origem Florestal), documentos obrigatórios para a comercialização de madeiras.

Segundo apurações, o investigado chegava a cobrar R$ 3.000,00 por cada DOF produzido. Os documentos falsificados serviam para dar aparência de legalidade à comercialização de madeiras por algumas empresas.

Além das buscas, a Polícia Federal, em conjunto com um Oficial da Justiça Federal, cumpriu ordem judicial de suspensão do exercício da função pública em desfavor do fiscal do IBAMA.

Segundo o inquérito, o investigado já foi preso, em 2006, em operação da Polícia Federal (Operação Isaías), por crime semelhante, pelo qual responde a dois processos na Justiça Federal do Amapá.

Pelo crime de falsificação de documento público, o servidor poderá a ser condenado a até 6 anos de prisão, somado às penas dos crimes ambientais que lhe vierem a ser imputados.

(Comunicação Social da Superintendência da Polícia Federal no Amapá)

Desse jeito mesmo!


"Novela" eleição OAB/AP tá ficando cada vez mais quente e sem previsão de um final feliz.

Brasil Sabor começa nesta quinta-feira, 2 de maio



Este ano a 8ª edição do evento tem como tema “A comida do lugar em todo lugar". Pirarucu ao creme de castanha do Brasil, bolinho de bacalhau crocante recheado com banana e galinha caipira ao molho de jambú, são alguns dos pratos da 8ª edição do Festival Brasil Sabor, que começa no dia 2 de maio, e prossegue até o dia 19, em todo Brasil. Em Macapá, a abertura do festival acontece na área externa do Mercado Central, a partir das 18h, com a participação de 16 restaurantes.

O Festival é uma realização da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) e tem como objetivo promover e valorizar a culinária brasileira. O evento conta com a parceria do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), por meio do Projeto Serviços de Macapá e Santana,  Governo do Estado do Amapá (GEA), Prefeitura Municipal de Macapá (PMM), Armazém Brasil, Skol e Cielo.

Segundo a diretora técnica do Sebrae no Amapá, Ana Dalva Ferreira, "o festival é muito importante para divulgar e despertar nos chefs a valorização da culinária do nosso estado, e com isso desenvolver uma identidade da nossa região", disse a diretora Ana Dalva Ferreira. 

Outro destaque do Brasil Sabor 2013, é a realização da Praça da Gastronomia que será montada na área externa do Mercado Central. As degustações serão comercializadas ao preço de R$ 7 reais.

 Restaurantes:

1-      Cantinho Baiano

Prato: Farol da Barra

 2-      Das Marias Cozinhas Industrial

Prato: Pirarucú ao creme de castanha do Brasil

 3-      Dalulu

Prato: Bolinho de bacalhau crocante recheado com banana

4-      Delícias Da Mama
Prato: Peixe delícia

5-      Flora Restaurante
Prato: Filhote grelhado ao molho da castanha do  brasil

6-      Regini's Buffet
Prato: Pirarucu pavulagem

7-      Restaurante Chinês Yong Xiang
Prato: Yakissoba tradicional

8-      Restaurante Sarney
Prato: Filé de tilápia no molho de camarão

9-      Restaurante Tacaca Atalaia
Prato: Galinha caipira ao creme de jambu

10-  Restaurante Santa Rita
Prato: Peixe ao forno no molho do camarão rosa

11-  Temakeria Toshi Maki
Prato: Salmão crispy

12-  Triunfu's Buffet
Prato: Risoto de bacalhau

13-  Tacacá Atalia
Prato: Galinha caipira ao molho de Jambu

14-   Aconchego
Prato: Pescada Equatorial

 15-  Mariscada

Prato: Risoto de Marisco

 16-   Restaurante Divina Arte


Fernanda Picanço
 Serviço:

Sebrae no Amapá
Unidade de Marketing e Comunicação: (96)3312-2832
Central de Relacionamento: 0800 570 0800
Agência de Notícias: www.ap.agenciasebrae.com.br
Portal Sebrae: www.ap.sebrae.com.br
Twitter: @sebraeap
Facebook: /sebraeap

O que o povo comenta...




Governador é governador. Professor é professor. Cada um merece o devido respeito. Lutamos tanto contra a violência para chegarmos aqui?
Quer dizer que se eu lutar pro combustível ficar na média nacional e não for atendida,isso me dá direito de tocar fogo no posto e agredir?
Bom dia. Eu sou do tempo em que todo professor era educado!
Extremismo, Radicalismo e Intolerância Partidária! Inaceitável esse comportamento.
Presto solidariedade ao Gov. e aos demais servidores públicos e cidadaos que sofreram agressao ontem na UEAP.
Por mais legítima que seja a luta dos professores, a violência lhes tira a razão.
...No convívio que temos, o que sempre admirei de e seu espírito pacifico e tolerante se resolve seus problemas!
Retweetado por  
Cobrar seus direitos, ok. Mas, cobrar seus direitos usando de violência? Não concordo, não apoio.


Setap decide adiar o fim do cadastramento até sexta-feira



O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amapá (Setap) decidiu nesta terça-feira, 30, prorrogar por mais dois dias o prazo de cadastramento da meia-passagem, que encerraria hoje. A decisão foi motivada por dois fatores ocorridos simultaneamente na semana passada: o fechamento de escolas durante três dias por conta da greve dos professores e as fortes chuvas que caíram sobre a cidade.

O cadastramento será interrompido na quarta, 1, por conta das comemorações do Dia do Trabalho, e retomados na quinta, encerrando sexta, 3. Não haverá nova data de prorrogação após este encerramento.

O processo iniciou em 14 de fevereiro e deveria garantir o benefício para mais de 37 mil estudantes. A maioria deles, no entanto, sempre deixa para última hora. Assim, este ano, o número de beneficiários não deve chegar a 30 mil.

No dia 2 de maio, próxima quinta-feira, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amapá (Setap) já inicia o bloqueio dos cartões de meia-passagem que não foram recadastrados.

Até o dia 31 de maio, os cartões de meia-passagem emitidos pelo Setap poderão ser recebidos na Subprefeitura e no Posto de Venda localizado na Rua Tiradentes. Após esse prazo, os cartões serão recolhidos para a sede do sindicato.

Após o cadastro e recadastro, inicia uma nova fase, que consiste nas visitas às escolas para verificar se os alunos cadastrados estão frequentando as aulas. Cartões que ficarem por 90 dias sem uso, são automaticamente bloqueados pelo sistema.

Este ano o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amapá (Setap) desburocratizou o processo. Para o recadastramento, está sendo exigida apenas a declaração escolar e o cartão de meia-passagem (além da fotocópia de ambos). Isso, além de reduzir o volume de papel, reduz o tempo de espera.

Para quem está requerendo o benefício pela primeira vez, os primeiros cartões começaram a ser entregues em 4 de março. “Quem se cadastrou na Escola Hildemar Maia, recebe o cartão no Posto de Venda do Setap localizado na Rua Tiradentes, próximo ao Cartório Jucá. Quem fez o cadastro na Subprefeitura, receberá o cartão lá mesmo”, explica Artur Sotão, gestor do Sistema de Bilhetagem.

Para os novos cadastros, o aluno deve ir pessoalmente aos postos de atendimento com cópia e original de: certidão de nascimento ou carteira de identidade, comprovante de residência e declaração escolar.

Não é preciso levar foto 3x4. A imagem do aluno será capturada por meio digital no ato do cadastro. Não há necessidade de cadastro para alunos com menos de 7 anos. Para este público, é garantida a gratuidade, desde que esteja acompanhado de um adulto.

Os alunos da rede municipal tiveram a isenção da taxa de recadastramento. O Setap recebeu relação dos alunos matriculados nas escolas da rede municipal. Assim, os alunos que dessas escolas que requeiram a continuidade do benefício, não precisam levar declaração escolar.

No caso dos acadêmicos matriculados em instituições particulares de ensino superior, cuja matrícula é semestral, o Setap vai abrir em julho um recadastramento especialmente a este público, quando deverá apresentar o comprovante de matrícula no segundo semestre de 2013. Quem não fizer isso, terá o cartão bloqueado a partir de agosto.

Para os acadêmicos da Ueap e Unifap, isso não será necessário. A Unifap, através do Departamento de Registro Acadêmico, vem emitindo declarações com códigos de barra que podem ser autenticados pelo Setap no site da instituição.

Os locais para o cadastramento são: Subprefeitura da Zona Norte, Escola Municipal Hildemar Maia (bairro do trem, atrás do Trem Desportivo Clube) e Terminal Rodoviário de Santana (no bairro Nova Brasília). Neste último local, funcionará apenas o recadastramento.

São apenas R$ 10 para cadastros novos e R$ 5 para recadastro. O Setap disponibilizou todas as informações no site da instituição. O endereço é www.vtsetap.com.br. 

Mais informações:

Ascom/Setap - 9188 7097 (Renivaldo Costa)
Contatos para entrevistas: Artur Sotão 91250965 / 32220318

Imagem da vergonha!


São educadores? Não! Longe de ser. Jogar ovos, agressões, atitudes insanas só envergonham ainda mais o nosso Estado. Que exemplo triste para os nossos estudantes!

Que absurdo! O Brasil tá perdido.

Projeto de tucano sobre ‘cura gay’ avança em comissão de Feliciano

De um integrante da cúpula nacional do PSDB sobre o deputado tucano João Campos (GO), que foi relator da Proposta de Emenda à Constituição que pretende revisar atos do Supremo Tribunal Federal (STF), elaborada pelo petista Nazareno Fonteles (PI). “Esse deputado é mais da bancada evangélica do que da bancada tucana”, afirmou o líder do PSDB. É uma tentativa de desvincular o parlamentar do partido, num momento em que o STF analisa mandado de segurança contra o projeto, impetrado pelo próprio PSDB.

Campos, pastor da Assembleia de Deus, é contra o projeto de lei que criminaliza a homofobia, contra o aborto, contra o casamento entre pessoas do mesmo sexo e contra a cirurgia de mudança de sexo no SUS. Costuma votar alinhado com a bancada evangélica.

Em 2011, criou um projeto de decreto legislativo que pretende suspender resolução do Conselho Federal de Psicologia que, desde 1999, impede os psicólogos de tentar curar a homossexualidade. Para Campos, a resolução fere o direito constitucional de psicólogos e pacientes. “Estou zelando pela Constituição”, disse ao defender, no ano passado, a proposta. “Eu não estou tratando de cura gay.”

O polêmico projeto de Campos, que é alvo do Conselho Federal de Psicologia, está na Comissão de Direitos Humanos da Câmara. Em março, o presidente da comissão, Marco Feliciano (PSC-SP), também pastor, indicou o deputado Anderson Ferreira (PR-PE), outro pastor, para relatar o texto.

Na semana passada, Ferreira concedeu parecer favorável ao texto. “O projeto de decreto legislativo em tela nada mais significa que a sustação da norma editada pelo referido Conselho, até que haja apreciação judicial que decida a questão levantada. Seu texto constitui uma defesa da liberdade de exercício da profissão e mesmo da liberdade individual de escolher um profissional para atender a questões que dizem respeito apenas à sua própria vida, sem prejudicar outrem”, afirmou o deputado.

Agora o texto será votado no plenário da comissão, em data a ser marcada por Feliciano. Depois seguirá para a Comissão de Seguridade Social e Família e Comissão de Constituição e Justiça.

http://blogs.estadao.com.br/

"Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima"...



Morreu neste domingo aos 89 anos, vítima de complicações de uma pneumonia, o compositor e zoólogo Paulo Vanzolini. Ele estava internado na UTI do hospital Albert Einstein, em São Paulo, desde quinta-feira, dia de seu aniversário.

Considerado um dos grandes nomes do samba paulista, Vanzolini é autor de clássicos da música popular brasileira, como Ronda e Volta por cima, dos versos "levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima". Ao todo, são mais de 70 composições em seu currículo.

Formado em medicina com doutorado em zoologia pela Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, o músico desenvolveu as duas carreiras em paralelo, tendo dirigido o Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo, além de trabalhar na produção dos programas de Araci de Almeida na TV Record, na década de 1950.

Sua obra foi tema de três documentários dirigidos por Ricardo Dias. Os dois primeiros abordam seu trabalho como zoólogo, premiado pela Fundação Guggenheim, em Nova York. O mais recente, lançado em 2009, foi batizado de Um homem de moral e trata de sua carreira musical, com depoimentos de nomes como Chico Buarque, Miucha e Paulinho da Viola.

Deixa mulher, a cantora Ana Bernardo, e cinco filhos do primeiro casamento, entre os quais o diretor de cinema e vídeo e sócio da Conspiração Filmes, Tony Vanzolini.

O velório será nesta segunda-feira, no hospital Albert Einstein. O enterro deverá acontecer à tarde, no Cemitério da Consolação.

http://www.diariodepernambuco.com.br/

É pra rir ou chorar?



Lideranças que fazem oposição canina tanto ao GEA quanto à PMM conversam com fim de afinarem o discurso para se contrapor a provável aliança entre PSB/PSOL/PCdoB para as eleições do ano que vem.

Dentre essas figuras políticas estão Jorge Amanajás , Lucas Barreto, Roberto Góes, Waldez Góes e Gilvam Borges. Segundo conversas de bastidores da política tucuju, começa a tomar corpo o tal “chapão” que tem Jorge Amanajás como candidato ao Governo do Estado. Nesse acordo, o candidato derrotado das eleições para prefeitura de Macapá, Roberto Góes, poderá entrar como candidato a vice de Amanajás. O que ainda não estaria definido são as candidaturas de Waldez Góes, Gilvan e Lucas Barreto. Especula-se que Waldez e Gilvam vão disputar duas das oito cadeiras para Câmara Federal; tendo ainda a candidatura de Lucas Barreto ao Senado, caso Sarney não se defina a concorrer no pleito.

Como se vê, a oposição acredita que com este “CHAPÃO”, como assim dizem, será imbatível frente aos tradicionais partidos de esquerda, que entende-se como PSB/PSOL/PCdoB/PT...

http://nezimarborges.blogspot.com.br/

A tradução clara e concisa da greve "manipulada" dos professores!



Na última sexta-feira, 26, a Assembleia Legislativa aprovou projeto de lei enviando pelo Poder Executivo incorporando a regência de classe ao salário base professor. Mas, o que era motivo comemoração pelo Sindicato dos Servidores Públicos em Educação no Amapá (Sinsepeap), virou razão de protesto, sendo necessário até chamar a polícia para conter os ânimos dos educadores, que ocuparam as galerias da Assembleia Legislativa, jogando até ovo nos parlamentares.
Minha mãe, que é professora há 15 anos do Estado, não entendeu. Na verdade faz tempo que ela não entende o que quer o sindicato que a representa, se é que a representa, como ela mesmo diz.

Minha mãe, que aqui prefiro não revelar seu nome, pois ela teme ser taxada de traída pelo sindicato, participou, no dia 15 de abril de 2010, de um ato público para cobrar do governo do Estado os acordos assinados com a categoria desde 2008. Detalhe: a briga era pela incorporação da regência.

Bom, o objetivo não alcançado e por alguma razão não teve greve. Não teve nada. O sindicato se calou.

Em 2012, ela fez até planos quando soube da proposta do governo de reajustar o salário do professor em 16,56%. Ganhando um salário de R$ 3.795,80, teria um acréscimo de R$ 628,83 no vencimento. Mas, teve mesmo que se contentar com o reajuste linear de 8%, porque o tal sindicato não aceitou a proposta do governo.

Mamãe, a exemplo de muita gente, não gosta de política, mas, isso não a torna uma mulher tapada, sem visão. Ela sabe, que se o governo pudesse atender todas as reivindicações do sindicato, ainda assim, a briga não iria parar.

Sabe por quê? Porque antes, o discurso do Sinsepeap era: “regência de classe não é salário, é gratificação, e gratificação é perdida na aposentadoria. Queremos a regência incorporada ao salário”.

Agora que tiveram a incorporação da regência no salário chamam de arbitrário o projeto do governo e xingam os deputados. Afinal, o que quer o Sindicato dos Professores que ao invés de defender acaba prejudicando a categoria?

A resposta talvez fosse manipulação, mas, essa questão, quem tem que responder é você educador e educadora, porque minha mãe já tem a resposta e vai se sair desse sindicato, que representa vários interesses, menos o seu.
 

Por Regina Penafort
http://nezimarborges.blogspot.com.br

Concordo plenamente!

Hoje pela manhã, ouvi cada comentário absurdo nas rádios, sobre a reportagem do Parque do Tumucumaque, que faço minha as palavras abaixo:


Esse ranço, esse preconceito contra quem 'não é da terra' tem que acabar no Amapá...
Toda xenofobia é burra. O que faz a diferença em toda ação humana é a competência, o talento, a honestidade, o comprometimento...